O avião de transporte Ilyushin II-76 caiu em um campo muito próximo à base. Dezenas de ambulâncias e veículos do corpo de bombeiros foram enviados para o local da tragédia. Os canais de televisão exibiam imagens do avião em chamas e uma fileira de corpos cobertos por sacos brancos.

Um membro do partido governista da Argélia, FLN, disse à emissora de televisão Ennahar que os mortos incluíam 26 membros da Frente Polisário, um grupo apoiado pela Argélia que luta pela independência do Saara Ocidental –um território também reivindicado pelo Marrocos em uma disputa de longa data.

O Ministério de Defesa da Argélia disse que o avião estava a caminho de Tindouf, no sudoeste da Argélia, antes de cair em um campo dentro do perímetro do aeroporto.

Em fevereiro de 2014, 77 pessoas – militares e seus parentes – morreram na queda de um Hercules C-130 do exército argelino a 500 km da capital Argel. Apenas uma pessoa sobreviveu ao acidente, que o ministério da Defesa atribuiu na época às más condições meteorológicas.

Catolé em Foco

Leia Mais em Catole em Foco
Curta nossa Pagina do Facebook, nos siga no Instagram e Twitter
Entre em nosso grupo do Facebook
Nos mande mensagem no Whatsapp