Fuxico, fofoca e dor de cotovelo. É assim que o presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Gervásio Maia (PSB), tem classificado os boatos de que houve estremecimento em sua relação com o governador Ricardo Coutinho (PSB).

Em entrevista ao Paraíba Já, na tarde desta quarta-feira (19), Gervásio argumentou que os laços amistosos e partidários com Ricardo estão cada vez mais firmes e fortes.

“Isso é coisa de quem já teve a oportunidade de fazer pela Paraíba e não fez, aprendeu a fazer a política da fofoca e do fuxico e tem uma dor de cotovelo muito grande porque nosso grupo político trabalha muito, tem trabalhado e vai trabalhar ainda mais pelo nosso Estado”, declarou.

Veja também: Deputado da base de Ricardo defende aliança com PMDB e não descarta nome de Cartaxo no grupo

Gervásio ainda afirmou que o desempenho administrativo de Ricardo Coutinho chama atenção de muita gente de fora e que isto seja uma das causas da “dor de cotovelo” da oposição.

“O trabalho do governador Ricardo Coutinho, de nosso grupo, dos partidos aliados tem feito pela Paraíba é algo que tem contagiado, inclusive, políticos de outros Estados. Participei de um evento em Brasília recentemente, que contou com a participação de 19 presidentes de assembleias de todo o país, cada um que contasse a realidade de seu lugar. Quando eu contei a realidade da Paraíba, todos se impressionaram. Então, o que é que restou aos nossos adversários? Plantar fuxico e fofoca”, disse.

As declarações foram dadas durante evento que celebrou a chegada das águas do Rio São Francisco ao açude Epitácio Pessoa, em Boqueirão.

Catolé em Foco

Leia Mais em Catole em Foco
Curta nossa Pagina do Facebook, nos siga no Instagram e Twitter
Entre em nosso grupo do Facebook
Nos mande mensagem no Whatsapp