Nesta segunda-feira (16), a vice-governadora Lígia Feliciano (PDT) declarou que continuará apoiando o governador Ricardo Coutinho (PSB), diferentemente do que era esperado uma vez que o presidente nacional do seu partido, Carlos Lupi, havia cravado o rompimento com o governador socialista.

“Eu me posicionei que eu concordava com aquela atitude, que o governador explanou dizendo que iria ficar até o fim do governo porque entendia que era o melhor para a Paraíba”, disse lembrou.

Lígia também foi de encontro a Luppi ao não confirmar a sua pré-candidatura ao governo do Estado. O anúncio era dado como certo pelos pelos oposicionistas e representaria o rompimento de um importante partido da base do Governo.

“Por onde eu passei só tem uma palavra: eu apoiei a decisão que ele tomou. E quando ele se posicionou, no dia 6 passado, eu emiti uma nota reiterando o meu apoio à decisão dele. Então foram esses os fatos que aconteceram e, no mais, foram comentários e disse-me-disse”,

 

 

Fonte: Paraíba Já

Catolé em Foco

Leia Mais em Catole em Foco
Curta nossa Pagina do Facebook, nos siga no Instagram e Twitter
Entre em nosso grupo do Facebook
Nos mande mensagem no Whatsapp