Uma índia recém-nascida foi resgatada depois de ser enterrada viva pela avó na terça-feira, 5, em Canarana, a 838 km de Cuiabá. A Polícia Militar informou ter recebido uma denúncia de que um bebê havia morrido logo após o parto e tinha sido enterrado no quintal de uma casa, sem passar pelo Instituto Médico Legal (IML), e chamou a Polícia Civil.

Através de denúncia anônima localizaram o local em que residia uma família indígena, onde a avó, teria enterrado sua neta, um bebê recém nascido por volta das 16h, tudo com o consentimento da mãe do bebê. Por volta das 21h, ao começarem a escavar se surpreenderam com o choro do recém nascido e se emocionaram ao conseguir salvar a vida do bebê.

A avó explicou que a bebê teria que ser sacrificada pelo fato de a mãe ser solteira, o que não é permitido pela sua etnia. Segundo a Polícia Civil, o bebê foi internado e o estado de saúde dele é considerado bom.

Veja vídeo:

G1

Catolé em Foco

Leia Mais em Catole em Foco
Curta nossa Pagina do Facebook, nos siga no Instagram e Twitter
Entre em nosso grupo do Facebook
Nos mande mensagem no Whatsapp