Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi alvo da ação de bandidos na manhã desta quinta-feira (27) em Campina Grande. Uma enfermeira foi agredida e ameaçada de morte pelo grupo criminoso.

Ela relatou que voltava de um atendimento quando um homem armado abordou a ambulância no bairro José Pinheiro. Com a arma, o bandido agrediu a enfermeira na cabeça e obrigou o motorista a dirigir.

Em um outro local o bandido encontrou outros homens que também entraram na ambulância. Eles roubaram celulares, aliança e outros objetos da enfermeira, a agrediram com chutes e coronhadas enquanto um dos criminosos pedia para que ela fosse assassinada.

O grupo criminoso abandonou a ambulância e a equipe no bairro Monte Castelo. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Catolé em Foco
Fonte: PBHoje