Compartilhe
Acusado de assassinar casal na PB, confessa crime e afirma “Faria de novo”
Classifique esse post

Foi preso na manhã de ontem (03), José Gomes Neto após uma denúncia anônima, o mesmo é suspeito de está envolvido no homicídio de Alex Sandro Mendes dos Santos e Daliene Garcia da Silva em um bar no bairro Ligeiro, em Campina Grande.

O acusado foi localizado no bairro Bodocongó III, junto com o acusado estava a arma que ele confessou ter sido utilizado no crime.

Em detalhes José disse que a motivação do crime teria sido rixa pessoal e ainda segundo ele vinha sendo ameaçado pela vítima e por fim relatou que, “matou para não morrer”.

Com relação ao assassinato de Daliene Garcia da Silva, o mesmo não teria conhecimento que ela estava gravida, e que “ela estava no lugar errado, na hora errada”.

Os outros suspeitos de participarem do crime foi negado por José. O acusado já é condenado a 12 anos por tráfico e roubo e foi autuado em flagrante por posse ilegal de arma.

FONTE: Repórter PB